Agentes da PRF envolvidos na morte de homem em viatura são afastados

Agentes da PRF envolvidos na morte de homem em viatura são afastados

Um dia após a morte de Genivaldo de Jesus Santos, de 38 anos, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) determinou o afastamento dos policiais envolvidos.

De acordo com o Portal Metrópoles, vítima foi colocada dentro de uma espécie de “câmara de gás” improvisada no porta-malas de uma viatura.

A ação foi registrada em vídeo e acompanhada por populares. A Polícia Federal investiga o caso.

Givaldo morreu na quarta-feira (25) após abordagem violenta da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-101, em Umbaúba (SE). Policiais alegaram “desobediência” e resistência à prisão.

O homem foi jogado na parte de trás da viatura; atiraram bomba de spray de pimenta nele e o deixaram trancado se debatendo e tentando respirar.

“Diligências acerca do caso já foram iniciadas, e a PF trabalha para esclarecer o ocorrido o mais breve possível”, frisou a corporação.

*BN