Após acusação de fake news, Bolsonaro é processado por danos morais

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), está sendo processado por danos morais. A autora da ação é a jornalista e colunista do UOL, Bianca Santana, que foi acusada por ele de escrever notícias falsas.

O ataque à jornalista ocorreu no dia 28 de maio, quando o presidente fez uma live nas redes socais. Na ocasião, ele informou que pediu que seus assessores fizesse um compilado do que ele chama de notícias falsas na mídia.

“Tem uma tal de Bianca Santana aqui, uma blogueira, né?”, disse ao ler um dos textos. Em seguida, o presidente citou reportagem publicada pelo site Huffpost em 2018 sobre propaganda eleitoral do PT barrada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Não sendo o texto citado de autoria da jornalista, ela decidiu processá-lo, requisitando o valor de R$ 50 mil por danos morais.

Vale destacar ainda que a reportagem do site Huffpost, na verdade, confirmava que Bolsonaro havia sido alvo de fake news. Daí a intervenção do TSE.

*Bahia.Ba