Moro não foi imparcial em julgamento de Lula, dizem 97% de professores de direito em pesquisa

97% dos professores de Direito consideram que Sergio Moro não foi imparcial em julgamento do ex-presidente Lula. No Paraná, onde Moro fez carreira, 92% têm a mesma opinião.

A pesquisa mostrou que quase a totalidade de 283 docentes que responderam à pergunta disseram considerar que o ex-magistrado não atuou “com a imparcialidade exigida para um julgamento justo no caso”, informa a coluna Painel da Folha de S.Paulo.

Entre os coordenadores da pesquisa estão Juarez Tavares, da UFRJ, Gisele Cittadino, da PUC-RJ, Pedro Serrano, da PUC-SP, e Carol Proner, do IJHF-AL.

Fonte: Brasil 247