Empresários avaliam positivamente a abertura do comércio de forma integral em SAJ

O comércio na cidade de Santo Antônio de Jesus retomou suas atividades comerciais de forma integral após novo decreto de flexibilização.  Há uma semana da retomada plena, comerciantes e empresários avaliaram de forma positiva o retorno das atividades econômicas, que desde o início da pandemia sofreu algumas sanções.

O centro comercial agora trabalha fluidamente e não foram registrados pontos com aglomerações.

“O prefeito está de parabéns por ter tomado essa atitude. Espero que a população, principalmente os moradores da cidade se conscientize”, disse o comerciante Zito Ferreira.

Com o comercio abrindo parcialmente, apenas no período da tarde, obrigava as pessoas que vinham ao banco ou a correspondentes bancários a ficarem aguardando as lojas abrirem, e isso gerava aglomeração e grande número de pessoas nas ruas.

Alguns estabelecimentos, principalmente aqueles considerados não essenciais, permaneceram fechados por cerca de 5 meses, gerando ônus a empresários.

“O Comércio foi visto como vilão e foi penalizado e a abertura parcial deixou espaços escassos e gerava aglomeração. Vejo com bons olhos a abertura plena, mas a população deve manter as medidas de segurança a saúde. Eu cuido de mim e você cuida de você. Use máscaras, saia de casa se for preciso e mantenha o isolamento”, completou a comerciante Ana.

Cinemas, clubes recreativos e congêneres continuam com as atividades suspensas e deverão retomar na próxima fase de flexibilização.  O funcionamento das academias deverá ser autorizado a partir de 1º de setembro, mediante regulamentação em Decreto específico.

Em um vídeo divulgado em suas redes sociais, o prefeito Rogério Andrade ressaltou que a retomada das atividades comerciais de forma plena é mais uma tentativa de equilibrar as duas crises: a econômica e a de saúde pública e foi categórico em afirmar que se não houver a colaboração da população quanto as medidas de segurança a saúde, como manter o isolamento e evitara aglomerações, o comércio será fechado novamente.

Blog do Valente/ Reportagem: Antônio Carlos