Polícia já identificou quem matou empresário na Feira Livre de SAJ, diz delegado

Santo Antônio de Jesus fechou o ano de 2020 com 58 homicídios, sendo 15 nos dois primeiros meses. Em 2021, 8 mortes violentas já foram registradas nos meses de janeiro e fevereiro, ocorrendo uma redução,  quando comparado ao início do ano passado.

Em entrevista ao repórter Antônio Carlos, Dr. Edilson Magalhães, coordenador da 4ª Coorpin, disse que o trabalho em parceria com a Polícia Militar tem sido eficaz.  De acordo com o delegado, a redução tem sido em toda a região de cobertura da 4ª Coorpin e 14º Batalhão. “Sem esquecer, lógico, a importância do Ministério Público e do Poder Judiciário, que veem dando os mandados de prisão e acompanhando os inquéritos policiais,  respaldando nossas ações policiais. Sem a união dessas instituições não tem como combater o crime”, disse.

Ao repórter Antônio Carlos, o delegado afirmou ainda que 100% dos homicídios ocorridos em 2021 já foram elucidados, sendo que 95% tem ligação com o tráfico de drogas. “Estamos com o saldo positivo, pois os que ocorreram foram elucidados e os que não foram presos, estão com a prisão preventiva decretada”, explicou.

A Polícia Civil recebeu duas viaturas, fuzis e metralhadoras neste ano de 2021. 8 Policiais e 1 delegado foram convocados para atuar na região de atuação da 4º Coorpin.

O delegado informou que a polícia já sabe quem matou o empresário Keu do Hortifruti Pinheiro, dia 5 de fevereiro na, Feira Livre de Santo Antônio de Jesus. “Já estamos com autoria definida. Estamos tentando cumprir esses mandados e passar para a imprensa. Nós temos um alto nível de elucidação na área da 4ª Coorpin, principalmente em Santo Antônio de Jesus”, pontuou. O delegado não deu maiores detalhes sobre a elucidadção do caso.