‘Talvez eu desista’, diz Paulo Guedes sobre novo imposto digital

 

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quinta-feira (15) , que talvez desista decriar um novo imposto com base digital, conhecida como “nova CPMF”. Na noite dessa quarta (14), durante uma live promovida pelo Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP), ele defendeu a criação da tarifa.

Na ocasião, Guedes afirmou que o novo imposto incidiria no “tráfego de informações” em serviços digitais, seguindo uma tendência mundial, de acordo com ele, e que a princípio havia a promessa da desoneração da folha de pagamentos, em troca da nova tributação.

Questionado hoje se o novo imposto vai bancar o Renda Cidadã (programa social que vai substituir o Bolsa Família), ele afirmou, na saída do ministério: “Não, de jeito nenhum, não vai bancar o Renda. Não tem aumento de imposto, não existe aumento de imposto”.

“A mídia, por exemplo, quer desonerar a folha [de pagamento], não quer? Esse imposto só entraria se fosse pra desonerar. Talvez nem precise, talvez eu desista, disse Guedes.

Fonte: CNN




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *