Policial é investigado por ameaçar matar travesti após orgia em motel no Distrito Federal

 

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) investiga ameaças de morte feitas por um policial civil do Pará após uma orgia com uma travesti e três mulheres cisgêneros em um motel, no setor industrial de Taguatinga Sul, na madrugada desta quinta-feira (7).

Assustada, Kaila Melody, 30 anos, procurou a 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul) para registrar ocorrência após ter ficado sob a mira de uma pistola. A confusão ocorreu no momento de pagar a conta do estabelecimento.

Fonte: BN