Vídeos de alunos cheirando pó de corretivo líquido na escola viralizam e preocupam pais

Vídeos de alunos cheirando pó de corretivo líquido na escola viralizam e preocupam pais
Foto: Marina Pinhoni/g1

Uma nova tendência das redes sociais tem tirado o sono de pais de alunos de escolas de vários estados brasileiros. Vídeos que circulam nas redes sociais mostram os estudantes cheirando pó de corretor líquido. A prática ocorre até mesmo dentro das salas de aula.

Segundo médicos, a inalação do produto pode causar danos às mucosas do nariz e agravar quadros de rinite ou sinusite, além de haver risco de intoxicação.

Em redes sociais como Twitter, Tik Tok e Facebook, o g1 encontrou diversos relatos de estudantes menores de idades narrando problemas nas escolas por causa do ato. Os posts citam expulsões, processos e até a presença de policiais em colégios de estados como São Paulo, Paraná e Santa Catarina.

“Fizeram a trend do corretivo e agora deu polícia na escola”, disse um adolescente.

“Tony foi suspenso porque gravou um TiktTok cheirando branquinho”, disse outro estudante. Em diversas escolas, comunicados foram publicados alertando sobre as práticas e pedindo que os familiares de alunos fiquem atentos às redes sociais.

Alunos narram no Twitter situações envolvendo o corretivo em pó em várias escolas de São Paulo, Paraná e Santa Catarina. — Foto: Reprodução