Novos cursos da Educação Profissional e Tecnológica estão com matrículas abertas em Santo Amaro

A Secretaria da Educação do Estado está com as matrículas abertas para os novos cursos técnicos de nível médio ofertados pela rede estadual de Educação Profissional e Tecnológica: Administração, Aquicultura, Agroecologia e Redes de Computadores. Os estudantes foram selecionados mediante processo seletivo, que envolveu desde sorteio eletrônico a entrevistas. Os aprovados deverão conferir as listas disponíveis no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br) e se dirigir aos Centros de Educação Profissional e unidades da rede para os quais se inscreverem para efetuar a matrícula. Para todos os cursos é preciso levar o original do histórico escolar e os originais e cópias da Cédula de Identidade, do CPF e do comprovante de residência. 

Para o curso técnico de nível médio em Administração baseado na experiência da Escola de Formação Gerencial (EFG), que é vinculada ao Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado da Bahia (Sebrae/BA), a matrícula começa nesta terça-feira (1º) e segue até sexta-feira (4). Foram ofertadas 150 vagas e as aulas, que terão início no dia 10 de agosto, serão realizadas no Centro Estadual de Educação Profissional Empreende Bahia (CEEP), localizado em Água de Meninos, em Salvador.

Aquicultura –  A matrícula para o curso técnico em Aquicultura segue até o dia 10 de agosto, no CEEP em Turismo do Leste Baiano, localizado no Centro, município Santo Amaro. Este curso será ofertado em parceria com a Bahia Pesca e as 60 vagas ofertadas também foram preenchidas mediante processo seletivo. As aulas estão programadas para começar no dia 14 de agosto, no anexo do CEEP em Turismo do Leste Baiano, localizado Fazenda Oruabo, Estrada Bahia Pesca, Distrito de Acupe, em Santo Amaro.

Agroecologia – Outro curso que também está com matrículas abertas, após processo seletivo, até o dia 29 de setembro, é o de Agroecologia. Este curso será ofertado nos Centros Territoriais de Educação Profissional (CETEP) e anexos dos municípios de Prado, Arataca, Wagner, Medeiros Neto e Ipiaú, pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia em parceria com o Instituto Aliança. Foram 350 vagas ofertadas. Tanto neste caso, como no curso de Aquicultura, as aulas serão ministradas em regime de alternância, considerando que os educandos ficarão 15 dias em atividade letiva na escola e 15 dias nas comunidades de origem dos estudantes, sob orientação dos professores e acompanhamento de monitores.

O superintendente da Educação Profissional e Tecnológica do Estado, Durval Libânio, diz que “a oferta destes novos cursos técnicos na rede estadual está alinhada às demandas dos Territórios de Identidade da Bahia visando uma formação profissional que vai proporcionar diferentes oportunidades de inserção destes jovens no mundo do trabalho”.

Secretaria de Educação / Foto: Divulgação/Ilustração