Carnaval baiano é do povo

Quem faz o carnaval da Bahia é a alegria do povo.  Diferente do que acontece no Rio, onde a festa se dá em cima de um desfile milimétricamente planejado para que forneça apelo visual aos turistas, em Salvador a festa acontece na rua  ( e não no sambódromo ), atrás do trio elétrico, nas praças, ruas e bairros e da capital baiana.   A descontração é tanta que tem atraído gente do mundo todo para passar férias no território da alegria.  O diferencial da festa na Bahia é a igualdade com que brincam negros e brancos, pobres e ricos sem qualquer constrangimento e sem separatismo. Não é o paraíso, já que nessa mesma festa são relatados muitos assaltos, crimes de morte e outras tragédias. Mas pelo menos é uma pausa nos conflitos do dia a dia, em nome do mais fantástico sentimento que o amor pode proporcionar ao ser humano: o prazer.