Bolsonaro convida ator Mario Frias para substituir Regina Duarte na Cultura

Regina Duarte não é mais secretária especial da Cultura. O anúncio foi feito pelo presidente Jair Bolsonaro nesta quarta-feira, num vídeo publicado em sua página no Facebook. Sem autonomia, Regina encarou na Secretaria especial da Cultura seu papel mais difícil, nos dois meses e meio em que esteve no cargo.

Agora, ela vai assumir a Cinemateca Brasileira, em São Paulo, administrada pelo governo Federal  e classificada por ela como “um presente”.

Enquanto isso, o ator Mario Frias, famoso como galã de “Malhação” no final dos anos 1990, recebeu o convite de Bolsonaro para assumir a Secretaria. Nos últimos dias, Bolsonaro vem demostrando maior proximidade com o ator e apresentador. Na terça-feira, Frias já havia participado de um almoço do presidente com os presidentes do Flamengo e do Vasco.

A classe artística reagiu à nova mudança com críticas à apatia da gestão de Regina à frente da Secretaria, preocupação com o futuro da Cinemateca e descrença quanto ao trabalho do próximo secretário: “Não importa, será mais um fantoche”, disse Maitê Proença.

*OGlobo