‘Consegui sair desse buraco’, afirma Anitta sobre depressão

Acantora Anitta afirmou que conseguiu vencer a depressão após tratamento com profissional correto e reaproximação com Deus, além de contar com ajuda da família e amigos. Em entrevista ao jornal O Globo, a artista contou que, por recomendação do terapeuta, ela deve parar de ler todas as notícias que são publicadas a seu respeito e assumir os créditos pelos seus feitos para o ritmo funk.

“Tive depressão, mas graças a Deus, com tratamento certo e minha família junto, consegui sair dessa. Faz um tempinho, mas estou sempre de olho. Por isso, parei de ler coisas que publicam sobre mim na imprensa e na internet. Meu terapeuta também me aconselhou a assumir os créditos pelas coisas que faço, não ficar negando minha contribuição para o funk, por exemplo. Consegui sair desse buraco”, disse.

A artista que lançou oficialmente neste final de semana o hit “Me gusta” com clipe gravado no Pelourinho, em Salvador, acredita que a música vai levantar a bandeira da diversidade. A canção tem participações de Cardi B e Mike Towers. “É uma mistura de funk com pagodão baiano, ritmo que tinha vontade de apresentar para o mundo inteiro há algum tempo”, acrescentou. O grupo Àttøøxxá ajudou na produção da música, que mistura inglês e espanhol. “Mesmo não tendo português, tenho absoluta certeza de que o Brasil vai amar, porque é um som muito nosso”, completou.

Na entrevista, Anitta fala que não liga mais para críticas relacionadas às cirurgias plásticas feitas nos últimas meses. “Não ligo para as críticas, não! Já me julgaram pra caramba, mesmo o Brasil sendo o segundo país no mundo que mais faz plástica no mundo, julgaram. Quando fiz, amor, quase entrei em depressão de tanto que falaram mal de mim. O mesmo aconteceu com o preenchimento labial. Foi um tormento na minha vida, senhor. Hoje em dia, as pessoas fazem até compartilham nas redes sociais as agulhadas na boca”, ressaltou.

BNews