Executiva Nacional do PSL pune Eduardo Bolsonaro e mais 17 deputados bolsonaristas

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Diretório Nacional do PSL confirmou a punição de 18 deputados ligados ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ,nesta terça-feira (03).  O Conselho de Ética da legenda já havia recomendado a punição a esses deputados, na última quarta-feira (27).

As penas vão de advertência até suspensão das atividades partidárias por 12 meses. Dos 18 deputados, 14 foram suspensos das atividades partidárias e os quatro restantes foram punidos com advertência.

Os deputados suspensos são: Bibo Nunes (12 meses), Alê Silva (12 meses), Bia Kicis (6 meses), Carla Zambelli (6 meses), Carlos Jordy (7 meses), Daniel Silveira (12 meses), Eduardo Bolsonaro (12 meses), General Girão (3 meses), Filipe Barros (6 meses), Junio Amaral (3 meses), Luiz Philippe de Órleans e Bragança (3 meses), Márcio Labre (6 meses), Sanderson (10 meses) e Vitor Hugo (7 meses).

Além deles, Aline Sleutjes, Chris Tonietto, Hélio Lopes e Coronel Armando receberão advertência.

 

Bocão News




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *