Alexandre de Moraes Deixa Presidência do TSE

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Nesta quarta-feira (28), o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, deixou a presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Em seu discurso de despedida, Moraes enfatizou que o Poder Judiciário não se acovardará no combate aos extremistas.

Moraes, que passou a presidência da Justiça Eleitoral para a ministra Cármen Lúcia, destacou a confiança do eleitorado na força das instituições brasileiras durante as eleições de 2022, período em que ele esteve à frente do TSE.

“O eleitorado acreditou que as instituições brasileiras são fortes, que o Poder Judiciário brasileiro não se acovarda mediante agressões, não se acovarda mediante populistas, extremistas que se escondem atrás do anonimato das redes sociais”, afirmou Moraes.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia