Homem com órgão genital decepado pela ex-mulher é impedido de visitá-la na prisão

Gilberto já havia demonstrado interesse em retomar o casamento com Daiane

Foto: Reprodução/Redes sociais

O frentista Gilberto Nogueira de Oliveira, de 39 anos, teve um pedido de visita à ex-mulher, Daiane dos Santos Farias, negado pela Penitenciária Feminina de Mogi Guaçu. Daiane está presa desde dezembro de 2023 por ter decepado o órgão genital de Gilberto, após descobrir uma traição.

Em abril, Gilberto já havia demonstrado interesse em retomar o casamento com Daiane, inclusive enviando cartas e um e-mail à penitenciária pedindo visita íntima. A detenta, por meio de sua advogada, também expressou o desejo de vê-lo.

No entanto, o diretor da penitenciária, Márcio Alexandre Moreno, negou a visita alegando que o nome de Gilberto não foi incluído no rol de visitas da detenta devido à natureza do crime pelo qual ela está presa. Moreno sugeriu que Gilberto busque autorização judicial para realizar os encontros.

“O seu nome não foi aceito para ser incluído no rol de visitas da reeducanda Daiane, pois o senhor foi vítima do delito pelo qual ela se encontra recolhida”, escreveu Márcio Alexandre Moreno, diretor do Centro de Segurança e Disciplina da Penitenciária de Mogi Guaçu, na última semana.

Daiane foi condenada a quatro anos de prisão por lesão corporal grave e atualmente trabalha na cozinha da penitenciária. Sua previsão de saída é para março de 2025.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia