Feminicídio tem redução de 21,7% na Bahia

Entre 1 de janeiro a 31 de março o estado contabilizou cinco casos a menos que em 2021

Feminicídio tem redução de 21,7% na Bahia

O crime de feminicídio caiu em 21,7%, nos três primeiros meses de 2022, se comparado ao mesmo período do ano anterior. A redução leva em consideração índices de todo o território baiano.

De 1 de janeiro a 31 de março foram contabilizados cinco casos a menos que no ano passado, saindo de 23 ocorrências para 18 casos.
A capital baiana registrou uma morte, computando três casos a menos que no trimestre de 2021. A redução foi de 75%. Já os municípios do interior do estado contabilizaram dois a menos que em 2021, registrando um decréscimo de 11%, totalizando 15 crimes.

A Secretaria tem ampliado a rede proteção ao público feminino, principalmente no interior do estado. Recentemente, a Polícia Civil inaugurou, com o apoio da Prefeitura, o Núcleo Especial de Atendimento à Mulher (Neam) de Senhor do Bonfim.

Vítimas de violência de gênero podem contar ainda com 15 Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher da Polícia Civil (Deams) e outros quatro Neams.
Já a Polícia Militar dispõe da Operação Ronda Maria da Penha, com capilaridade em diversas regiões do estado, que monitoram e fiscalizam medidas protetivas concedidas em favor de vítimas de violência doméstica.