Petrobras bate recorde de multas ambientais do Ibama em 2019

A Petrobras fechará o ano de 2019 batendo recorde de multas ambientais no Ibama, logo após o desastre ambiental das manchas de óleo que atingiram as praias de todos os estados do Nordeste do país.

A empresa recebeu 316 autuações do órgão neste ano. O número parcial já supera as 311 atuações em todo o ano passado, de acordo com informações da coluna Painel da Folha de São Paulo. A maior penalidade foi registrada em agosto, no valor de R$ 35 milhões.

Desde 2015 a estatal foi autuada 765 vezes, tem as multadas somadas no valor de R$ 274 milhões em infrações. Aproximadamente 40% delas são classificadas pelo Ibama como quitadas e somam R$ 11,8 milhões.

*Atarde