Novo presidente do Banco do Nordeste é exonerado um dia após a posse

O Governo decidiu exonerar o novo presidente do Banco do Nordeste (BNB), em Fortaleza, Alexandre Cabral, um dia depois de tomar posse. De acordo com informações do G1, o atual diretor financeiro, Jorge Pontes Guimarães Júnior, foi nomeado interinamente para ocupar o posto.

“Ele está cheio de problemas”, disse um importante auxiliar do presidente. O maior problema de Cabral, atualmente, é ser alvo de investigação pelo Tribunal de Contas da União (TCU) sob suspeita de irregularidades no período em que foi presidente da Casa da Moeda, em 2018, como divulgou a edição desta quarta-feira, 3, do jornal “O Estado de S. Paulo”.

Segundo o site, Cabral foi indicado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

“A imprensa fala que é indicação do Centro Democrático – eu não mais falo em Centrão, que é muito pejorativo – e isso nos traz problemas, mas não foi”, afirmou o ministro da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos.

*Atarde