Frio em SC: Sexta-feira tem -8ºC, sincelo, geada, árvores congeladas e chance de neve

A sexta-feira (21) amanheceu com temperaturas negativas em muitas cidades de Santa Catarina. Árvores ficaram congeladas com água, houve geada e também sincelo, quando a neblina congela na vegetação.

Apesar de não ter nevado no início da manhã na Serra, existe a possibilidade de neve em outras regiões catarinenses ao longo do dia. Fez -8,40ºC no Morro da Igreja, entre Urubici e Bom Jardim da Serra por volta das 4h, segundo uma das estações da Epagri/Ciram, órgão estadual que monitora as condições climáticas.

Segundo o meteorologista da NSC, Leandro Puchalski, as condições meteorológicas são favoráveis para neve em outras regiões, não mais na Serra, como ocorreu na noite de quinta.

“Principalmente no Planalto Norte catarinense, com menos chance do Alto Vale do Itajaí e a região serrana da Grande Florianópolis, só nessas regiões”, disse.

Ainda de acordo com o meteorologista, a sexta-feira está amanhecendo com céu limpo na Serra e, por isso, teve registro de geada na região.

Em Urupema, teve o fenômeno conhecido como sincelo no Morro das Torres no início da manhã. No local, por volta das 6h, fazia -7,53ºC, segundo uma das estações da Epagri/Ciram, órgão de monitoramento do clima no estado.

Galhos de árvores ficaram congelados em São Joaquim — Foto: Leandro Puchalski/NSC TV

Galhos de árvores ficaram congelados em São Joaquim — Foto: Leandro Puchalski/NSC TV

Em duas praças de São Joaquim, na Serra, água foi colocada em árvores pela prefeitura e com o frio intenso, os galhos acabam congelando. O efeito criado atraí os turistas.

O mesmo foi feito na praça do Centro de Urupema, onde o termômetro de rua registrava -6ºC por volta das 7h. O frio intenso na região exige cuidado também pois pode danificar canos e mangueiras que estiverem expostos.

Mesmo com as temperaturas negativas, teve quem se arriscou ficando nas praças das cidades da Serra ao amanhecer.

Mesmo com frio intenso, turistas estavam pela manhã na praça principal de São Joaquim — Foto: Leandro Puchalski/NSC TV

Mesmo com frio intenso, turistas estavam pela manhã na praça principal de São Joaquim — Foto: Leandro Puchalski/NSC TV

Com a possibilidade de neve também no Planalto Norte catarinense, há turistas que também buscaram a região, como a cidade de São Bento do Sul.

Estações meteorológicas da Epagri/Ciram registram temperaturas negativas ou em torno de 0ºC em diferentes regiões de Santa Catarina. Em Dionísio Cerqueira, no Extremo-Oeste, na divisa com o Paraná e fronteira com a Argentina, por exemplo, fez -1ºC às 7h.

Estações da Epagri/Ciram registram frio em todas regiões catarinenses — Foto: Epagri/Ciram/Reprodução

Estações da Epagri/Ciram registram frio em todas regiões catarinenses — Foto: Epagri/Ciram/Reprodução

O frio intenso segue e nesta sexta-feira a temperatura máxima em Santa Catarina é de 14ºC no Sul do estado e na Grande Florianópolis. No Norte deve fazer 12ºC e no Oeste , 11ºC. Já na Serra, a máxima deve ser de 8ºC.

A Serra catarinense registrou neve na noite desta quinta-feira (20). O fenômeno foi visto em Bom Jardim da Serra por volta das 20h30, segundo a Central NSC de Meteorologia. A neve também foi confirmada pela Somar Meteorologia.

Na cidade, a temperatura mínima registrada foi -2,8°C, às 21h, segundo a Epagri/Ciram. Pouco depois das 21h30, o órgão confirmou neve no Centro de São Joaquim. Às 21h, a temperatura na cidade era de -0,93°C.

Apesar da pandemia, turistas subiram a serra para ver a neve. Por causa da Covid-19, a região tem restrições e autoridades orientaram que somente pessoas com reserva de hospedagem façam a visitação, já que os hotéis já estão lotados.

Boneco de neve feito em Bom Jardim da Serra na noite desta quinta-feira (20) — Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

Boneco de neve feito em Bom Jardim da Serra na noite desta quinta-feira (20) — Foto: Mycchel Legnaghi/São Joaquim Online

O estado está sob a influência de uma massa de ar polar. Na sexta-feira (21), o frio continua em Santa Catarina com mais força e com possibilidade de neve pela manhã. A partir da tarde volta a ter tempo seco e no fim de semana não tem mais chance de neve, mas sim de geada.

*G1