Pix: cadastramento das ‘chaves’ começa hoje; veja como vai funcionar o novo sistema instantâneo de pagamento

O prazo para cadastramento das informações dos futuros usuários do Pix, novo meio de transações e transferências do Banco Central (BC), começa nesta segunda-feira.

O sistema entra em vigor no dia 16 de novembro, mas o cadastro é o primeiro passo. Com o Pix será possível pagar boletos, contas de luz, impostos ou compras.

O serviço foi construído pelo Banco Central em conjunto com outros atores do sistema financeiro, como bancos, fintechs e cooperativas.

O cadastro significa na prática fazer o registro da “chave Pix”, que funciona como a identificação do usuário. A intenção é facilitar as transações, que já não precisarão de muitas informações, como número da conta, agência, CPF e nome, como é atualmente.

O Pix faz parte da agenda BC#, que procura estimular a concorrência e a modernização do sistema no Brasil. O Pix será mais um meio de pagamento, assim como o boleto, e mais uma maneira de transferir recursos, como TED e DOC. Ele terá a vantagem, porém, de permitir operações em qualquer horário e com mais rapidez.

O Pix é um meio de pagamentos criado pelo Banco Central que deve permitir transferências e pagamentos instantâneos 24 horas por dia e sete dias por semana. Ele será mais um meio de pagamento, assim como o boleto, e mais uma maneira de transferir recursos, como o TED e o DOC.

Fonte: O Globo