Pix: crescem relatos de cadastros sem solicitação

O cliente Christian Lima conta no Twitter: “fui cadastrar o Pix usando o CPF no Itaú e recebi a notificação de que já estava sendo usado em outro banco! Posteriormente descobri que o Mercado Pago havia cadastrado meu CPF sem minha autorização”.

Leandro Avelar diz na rede social: “sem eu autorizar o Mercado Pago associou meu CPF a conta deles no Pix. Toda vez que entrei no Mercado Pago, havia uma tela de pré-cadastramento e neguei todas”.

“O Mercado Pago registrou meu CPF como chave Pix sem eu pedir”, relata o usuário Vitor de Lucca. “Estou desde então tentando excluir, sem sucesso. Dá erro. Pedi portabilidade pelo Inter, que me informa que preciso aceitar a portabilidade no Mercado Pago… Simplesmente não existe isso no app.”

No Reclame Aqui, as queixas são semelhantes: clientes não conseguem excluir o CPF como chave Pix do Mercado Pago, mesmo se pedem portabilidade para outra instituição financeira.

E há reclamações parecidas sobre o Nubank: “meu CPF foi cadastrado como chave Pix com vocês sem meu pedido e minha autorização”, explica o cliente Fabio Leme no Twitter.

“O Nubank está registrando minhas chaves Pix sem eu pedir”, afirma Ariel Marlin na rede social. Outro relato diz: “mal fiz a conta e ela pegou todas minha chaves Pix e tentou fazer portabilidade sem meu consentimento”.

O que dizem Nubank e Mercado Pago

Em comunicado ao Tecnoblog, o Nubank nega as acusações: “todas as chaves foram cadastradas com a devida autorização dos clientes”. A fintech continua: “preparamos cuidadosamente um fluxo prático e simples de comunicação e, no dia 05/10, enviamos pedido de consentimento via aplicativo a todos os clientes que haviam feito o pré-cadastro”.

O Mercado Pago também nega ter registrado chaves sem permissão. A empresa diz em comunicado que “o processo de cadastro das chaves Pix ocorreu em conformidade com as regras estabelecidas pelo Banco Central e prestará todos os esclarecimentos necessários ao regulador e aos seus clientes”.

A fintech garante que não cadastra chaves do Pix sem o consentimento do usuário: “o fluxo de cadastro envolve o envio de uma comunicação por meio do aplicativo Mercado Pago informando a possibilidade de cadastrar as chaves de e-mail, CPF/CNPJ, para que o usuário possa escolher quais delas deseja registrar”.

Banco Central “punirá os infratores”

Em nota, o BC afirma que “monitora e supervisiona continuamente o processo de cadastramento de chaves Pix”, e que já iniciou os processos formais para fiscalizar os participantes.

“Caso detecte irregularidades nesses processos, incluindo eventuais cadastramentos indevidos, o Banco Central punirá os infratores nos termos da regulação vigente”, diz a instituição.

Como remover chaves do Nubank e Mercado Pago

No Nubank, faça o seguinte:

  1. abra o app e, na seção Pix, toque em Registrar suas chaves;
    • se essa seção não estiver presente, toque no botão Pix na parte inferior da tela;
  2. toque no ícone de três pontos (…) ao lado de uma chave cadastrada;
  3. toque em Excluir.

Vale observar que essa opção não vai aparecer se o cadastro estiver pendente. O Nubank precisa primeiro confirmar o registro no BC para que você possa excluir a chave.

No Reclame Aqui, o Mercado Pago orienta os clientes a seguirem estes passos:

  1. abra o app no iPhone ou Android;
  2. siga o caminho Mais (no canto inferior direito) > Seu perfil > Suas chaves Pix;
  3. escolha uma chave e selecione a opção Excluir chave.

Este procedimento pode ser feito apenas em dias úteis das 9h às 17h. O Mercado Pago promete que, quando o Pix for lançado em novembro, será possível modificar as chaves em qualquer horário.

Além disso, alguns usuários se queixam que isso pode exibir uma mensagem de erro. Neste caso, a fintech pede que os clientes entrem em contato pela seção Fale Conosco no aplicativo, pelo site mercadopago.com.br/ajuda ou pelo telefone 0800 637 7246.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *