SEC promove neste terça-feira (8) live com estudantes, historiadores e Lazzo Matumbi em alusão ao 7 de Setembro

A pandemia do novo Coronavírus impediu que a Independência do Brasil fosse comemorada com desfile de rua neste 7 de Setembro. Mas para marcar a histórica data, a Secretaria da Educação do Estado realiza, nesta terça-feira (8), às 14h, a live “Cantos de liberdade – se gritaram independência, gritaremos igualdade”, com o 26° Grito dos Excluídos 2020, cujo lema é “contra a miséria e o preconceito”. A atividade on-line vai ser transmitida, ao vivo, pelo canal do Youtube da Educação Bahia (youtube.co/educacaobahia1), com a participação do secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, de estudantes, professores de História e do cantor e compositor baiano Lazzo Matumbi.

Depois da abertura com o vídeo de Ana Barroso, cantando o Hino da Bahia, a mediadora Bruna Menezes vai contextualizar a data, convidando a sociedade para a reflexão sobre qual a independência que o povo deve comemorar de fato. “Este ano, o Grito dos Excluídos foi diferente e as nossas fanfarras escolares também não tiveram como mostrar seu brilho nas ruas, mas estaremos todos juntos, virtualmente, cheios de alegria. Marcaremos esta data com muita música e história”, revela.

O professor Carlos Barros é um dos convidados para contar um pouco a história do Brasil, destacando os principais fatos e acontecimentos da “Independência do Brasil” e o real significado desse acontecimento histórico. Referência na luta contra o racismo e a favor dos direitos humanos, o cantor e compositor Lazzo Matumbi falará sobre questões ligadas à resistência do povo negro no país, além de entoar seu canto.

Também estará presente, na live, Lucinéia Durães, representando a direção nacional do Movimento dos Sem Terra (MST). Ela vai abordar os povos do campo no contexto atual. Ainda dentro da programação constam apresentação de vídeo do desfile da fanfarra escolar do Colégio Estadual Manoel Devoto e declamação do poema “Elogio da dialética”, de Bertold Brecht, pelo coordenador de Políticas para a Juventude da SEC, Jocivaldo Bispo.

Fonte: Ascom/SEC/Gov.Ba



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *