Senado dos EUA aprova proposta de combate à pandemia de US$ 1,9 trilhão

Foto : Reprodução/Twitter

O Senado dos Estados Unidos aprovou ontem (6) o projeto de estímulo econômico e combate à pobreza de US$ 1,9 trilhão apresentado pelo presidente do país, Joe Biden. Todos os parlamentares democratas, majoritários na Casa, votaram a favor e todos os republicanos, contra.

A proposta ainda segue para a Câmara, e deve ser aprovada por também ter maioria democrata, antes de ser sancionada por Biden.

A campanha do chefe do Executivo americano nas eleições prometeu combater a pandemia de maneira séria para reverter a crise acentuada pelo governo de Donald Trump. Os recursos que serão disponibilizados a partir da proposta vão servir para a vacinação da população e para estimular a economia.

O pacote prevê:

– Pagamentos diretos de US$ 1.400 para centenas de milhões de americanos;
– Auxílio desemprego de US$ 300 por semana até o verão;
– Abono por família de até US$ 3.600 por um ano;
– Assistência de US$ 350 bilhões aos estados e municípios;
– Expansão de R$ 34 bilhões nos subsídios do Affordable Care Act (“Obamacare”);
– US$ 14 bilhões para a distribuição de vacinas.

M1