“Até tive pena. Não vou partir para o pessoal”, diz ACM Neto sobre críticas de Rodrigo Maia

"Até tive pena. Não vou partir para o pessoal", diz ACM Neto sobre críticas de Rodrigo Maia
                                                       Foto : Sivanildo Fernandes/ObritoNews

Em entrevista ao UOL, nesta terça-feira (18), o presidente nacional do Democratas, ACM Neto, afirmou que não responderá às ofensas do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), que o criticou nas redes sociais na sexta-feira (14).

Numa publicação no Twitter, Maia chamou ACM Neto de “oportunista”. No Instagram, ele chamou o ex-prefeito de Salvador de “malandro baiano” e frisou que “este baixinho não tem caráter”.

Na entrevista, ACM Neto disse que não faz “política com ofensas pessoais” e que “teve pena” do ex-aliado.

“Não faço política no pessoal. Quando eu vi as declarações do deputado Rodrigo Maia, até tive pena, porque são de um nível de desequilíbrio, são incompatíveis. Eu não vou partir para o pessoal, hora nenhuma alguém me viu falando nada sobre a pessoa de Rodrigo Maia. Vou manter minha tranquilidade. As declarações dele passaram de todos os limites. A própria bancada do DEM resolveu assumir a posição de expulsar o Rodrigo Maia. Eu, na condição de presidente do partido, vou levar esse pedido à frente e cumprir o rito”, pontuou.