Petistas querem punição a pastores que pedem voto em Bolsonaro

Representantes de grande influência no PT querem pedir ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) maior rigor na punição de pastores que usam suas igrejas para pedir aos fiéis que votem no presidenciável Jair Bolsonaro (PSL).

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, os representantes do partido ainda não chegaram a um consenso sobre se a via jurídica é a mais adequada.

Segundo o ex-ministro do TSE, Marcelo Ribeiro, a Corte começa a punir o que considera “abuso do poder religioso”, que é o uso da estrutura da religião para pedir votos.

*M1