Programa do Valente: Com esforço, superação e dedicação estudantes de Direito da Facemp são aprovados em exame da OAB

Estudantes de Direito da Facemp de Santo Antônio de Jesus participaram do Programa do Valente desta quarta-feira, 05, e contaram das suas experiências após aprovação no Exame da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil. Os docentes Valter Almeida, Aline Passos, Caíque Barbosa e a coordenadora do curso, Luciana Barbosa também fizeram parte do quadro ‘Facemp em Ação’, além do egresso  da primeira  turma de Direito, Djalma Santana.

Como é do conhecimento de muitos, o índice de aprovação no exame de Ordem ainda não é 100% e muitos dos estudantes tentam mais de uma vez até alcançar bom êxito,  no entanto, para quem precisa dividir o tempo com estágio, família, faculdade e os estudos, tudo fica ainda mais difícil. Essa realidade não foi diferente para os estudantes do 9º semestre de Direito da Facemp, Eliane Carijé, Darlos Freire, Fernanda Travajano, que recentemente realizaram a prova. Para eles, a dedicação, esforço e superação foram fatores essenciais nesse processo, além do apoio e todo suporte dos professores.

Para o estudante, Darlos Freire, de família humilde, filho de trabalhadores rurais do município de Irecê essa realização é uma conquista para toda família. “Eu tenho uma irmã que foi cortadora de cana, outra faxineira, um irmão guarda de posto, motorista e eu dentro de minha família estou mudando todo o futuro. Não tenho família em Santo Antônio de Jesus e todos me abraçaram”, contou.

“É uma alegria muita grande ver nossos alunos sendo aprovados no Exame da Ordem e alçando essa conquista tão sonhada pelos bacharéis em Direito. Estar em Santo Antônio de Jesus e perceber que aqui temos profissionais qualificados da mesma forma que em outros lugares”, frisou a professora Aline.

O curso de Direito é um dos mais disputados em todo o país e a cada ano as instituições formam muito profissionais aptos, entretanto, o medo do que o mercado de trabalho pode oferecer, ainda é comum entre os recém-formados, esse sentimento não foi diferente com o docente Valter. “Formei e já fui fazendo exame de Ordem, conseguir a carteirinha e posso advogar – mas e agora? Como é que tá esse mercado”, questionou professor Valter.

Para além das dificuldades que todos os cursos e o mercado de trabalho enfrentam, aqueles que têm alguma deficiência ainda são mais excluídos. Mas buscam forças através da superação e força de vontade “Deus enviou três anjos em minha vida, a Associação ASDEV(Associação Santoantoniense de Deficientes Visuais), minha esposa e a Facemp se eu ganhasse a mega-sena acumulada não pagaria o que eles fizeram por mim. Hoje eu passo na rua e as pessoas me procuram, me sinto realizado porque foi muito difícil a jornada”, relatou o egresso da Facemp, Djalma