Leo Kret diz que vai usar banheiro feminino na Câmara

Ops!!! Desculpe-me , agorasim a foto certa.

O travesti Leo Kret do Brasil (PR), 24, que ficou em quarto lugar na disputa pela Câmara de Salvador com 12.861 votos, ainda não assumiu o posto e já está causando polêmica ao afirmar que não vai seguir o regimento interno da Casa. De acordo com as normas, por ser do sexo masculino –seu nome é Alecsandro de Souza Santos–, Leo Kret terá que vestir terno e gravata nas sessões e usar o banheiro masculino. “Sou vereadora. Fui eleita como mulher. É assim que os eleitores querem me ver. Vou me vestir como sempre e usar banheiro feminino”, disse Leo Kret, que é estreante na política e já pensa no que vai usar na cerimônia de posse. “Estou recebendo propostas de umas grifes, mas não sou disso. Sou do gueto. Acho que vou usar um tailleurzinho, um escarpin e maquiagem bem sóbria. Só sei que a roupa vai ser rosa, pois rosa é minha cara.” A Procuradoria da Câmara de Salvador informou, por meio da assessoria de imprensa, que eventuais punições só serão discutidas após o não-cumprimento do regimento. Ontem, Leo Kret foi a uma cerimônia de boas-vindas na Câmara e disse ter sido muito bem recepcionada pelos “colegas”. “Fui bem cocotinha, com calça baixa, mostrando tatuagem e marquinha de biquíni.” (fonte: Folha Online)