Casal de turistas franceses desaparece em trilha na Chapada Diamantina e um deles é achado morto

Um turista francês foi encontrado morto e outra foi resgatada com vida, após terem desaparecido em uma trilha da cidade de Palmeiras, na Chapada Diamantina, uma das principais regiões turísticas da Bahia. A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros, responsável pelo resgate do corpo, que ocorreu na segunda-feira (24).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o homem e a mulher desapareceram no sábado (22), em trilha do parque Riachinho. O casal estava na região há cerca de seis meses e teria sido orientado, inicialmente, por um guia, que conduziu eles até determinado ponto da trilha. Depois, o casal seguiu sozinho.

Informações iniciais apontam que as vítimas caíram de uma parte alta da trilha.

Como demoraram para aparecer, o guia então acionou ajuda e, com outros guias, conseguiu encontrar a mulher ainda no sábado.

Ela foi levada para o Hospital Regional da Chapada, em Seabra, que fica a cerca de 36 km de Palmeiras. Ela está bem, mas segue internada e com previsão de transferência para Salvador.

O homem foi encontrado na segunda-feira, sem vida. Equipes do 11° Grupamento de Bombeiros Militar (11°GBM/Itaberaba) e do 2° SGBM/Lençóis resgataram o corpo do turista. Guias da Associação de Condutores de Visitantes do Vale do Capão (ACVVC) também participaram da operação.

O corpo do homem foi encaminhado para uma unidade do Departamento de Polícia Técnica e entregue à Polícia Civil para os procedimentos legais.

Por meio de nota, a Secretaria de Meio Ambiente do Município de Palmeiras lamentou a morte do turista. Informou ainda que os parques fechados, devido ao isolamento social necessário diante da pandemia do novo coronavírus. Segundo a pasta, os turistas invadiram o parque Riachinho, onde ocorreu o acidente.

*G1