Terra treme em Ibirataia e idosa é internada em estado grave após bater com a cabeça

Uma idosa ficou gravemente ferida após um tremor de terra ocorrido na cidade de Ibirataia, no sul da Bahia. De acordo com o Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), Paulo Sergio Luz, que concedeu entrevista à Recôncavo FM, o tremor ocorreu na noite do último domingo (06).

A idosa estava em casa e com o abalo, caiu e bateu com a cabeça. Ela foi transferida para o Hospital de Base em Itabuna com um ferimento grave. Não há detalhes sobre seu estado de saúde.

De acordo com o laboratório de sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) detectou 17 ocorrências de tremores de terra na Bahia, de sábado (29) até esta terça-feira (1º).  Os tremores de terra foram sentidos em cerca de 40 municípios na região do Recôncavo e Vale do Jiquiriçá. Os municípios de Amargosa e São Miguel das Matas são considerados epicentros dos terremotos e segundo o Labsis, o tremor chegou a registrar 4.6 de magnitude.

Nove sismógrafos irão monitorar possíveis novos eventos sísmicos na região de Amargosa, Elísio Medrado, São Miguel das Matas e Laje. A instalação foi realizada nesta segunda (07) e a partir de agora, a equipe da Sudec vai dar início à segunda etapa do monitoramento da atividade, que consiste, segundo o órgão, no monitoramento e análise dos dados coletados.

Para pesquisadores, a Bahia pode estar vivendo um fenômeno conhecido como enxame sísmico, em que um tremor de maior magnitude termina por desencadear outros eventos menores. Não há previsão de quando os tremores vão parar – podem durar dias, anos ou até séculos.