Novos tremores de terra são sentidos no Distrito de Corta Mão, em Amargosa

Dois novos tremores de terra foram registrados em Corta Mão, distrito de Amargosa, na madrugada de hoje (3). As informações são do Laboratório Sismológico da UFRN.

De acordo com o laboratório, os eventos, que ocorreram às 0h41 e 0h50, foram sentidos pela população do distrito. A magnitude do tremor foi calculada em 1.9.  A região apresentou, este ano, uma intensa atividade sísmica. O último tremor, com magnitude de 1,8 foi notado em 27 de outubro em Amargosa.

Em agosto, um abalo com escala de 4.6 na Escala Richter foi sentido em cerca de 40 cidades do Recôncavo e Vale do Jiquiriçá e também na Região Metropolitana de Salvador. Por causa da situação, várias imóveis ficaram danificados. Em São Miguel das Matas, cerca de 70 casas tiveram comprometimento na estrutura. Dez famílias precisaram deixar os imóveis. Em Amargosa, cerca de 11 casas foram danificadas. Dez delas vão precisar de reparos.

Do total de registros na Bahia, apenas 8 superaram os 4 graus da escala Richter, contudo, nunca ultrapassando os 5 graus. Já a região de Amargosa apresenta 33 registros de terremotos, tendo o primeiro ocorrido em 1899 com uma magnitude estimada em 3,5 graus.