Em entrevista ao Levante a Voz, Dr. Ricardo Aleixo fala sobre o curso de medicina a Faculdade de Atenas, em Valença

Foto faculdade Atenas
WhatsApp Image 2021-11-13 at 15.02.01

Em entrevista concedida ao programa Levante a Voz, o coordenador da Faculdade Atenas, falou sobre a estrutura e o corpo docente do curso de medicina.

O coordenador contou que foi um longo processo até obter uma aprovação pelo MEC para que o curso de medicina fosse amplamente ofertado com qualidade para o público baiano. Ele ainda informou que depois do Programa Mais Médicos, o Mec determinou o aumento o número de vagas do curso de medicina nas faculdades pelo Brasil, para tomar tal decisão foi realizado estudos e Valença foi uma das cidades que se verificou a necessidade de ofertar o curso de medicina e aumentar o número de vagas. Segundo Ricardo,  em novembro de 2020, depois de alguns processos, o MEC  autorizou o curso e em maio de 2021 se obteve a primeira turma de medicina na Faculdade de Antenas em  Valença.

No que diz respeito  a estrutura, o coordenador declarou que o curso possui uma estrutura muito completa, a nível de espaço físico, biblioteca, laboratórios, equipamentos de última geração que são usados durante os estudos e um corpo docente, que chama atenção devido o nível de qualificação unânime, mestres, doutores e especialista, todos da região baiana.

Com relação ao processo seletivo, ele informou que o acesso se dá através do processo seletivo do vestibular, mas que também   no primeiro processo seletivo da Faculdade existiu 3 formas de ingresso, sendo o primeiro através do vestibular tradicional, o segundo por meio da nota do ENEM e último ofertando bolsa de estudos.

Segundo Ricardo, a Faculdade Atenas tem “destinadas 10% de suas vagas para alunos de baixa renda, onde a gente solta o edital, esse aluno se inscreve nesse edital, passa por uma seleção e a depender da situação, se o aluno for de Valença , ter estudado na rede pública ou na rede particular, família ter renda per capita até 1 salário e meio, ela ter tirado pelo menos uma nota de 600 pontos no ENEM, essa pessoa  está apta a concorrer a uma bolsa 100% integral”. Ele ainda disse que atualmente a faculdade presta esse papel social, contando com 5 alunos bolsistas da cidade de Valença que não tem nenhuma despesa com o curso.

Ricardo Aleixo informou que dia 8 de janeiro de 2022 será realizado o segundo vestibular tradicional, mas futuramente será liberado o edital para completar as vagas da bolsas de estudo. O coordenador também falou sobre as formas de pagamento do curso que pode ser dá através do FIES, do crediário da própria faculdade e o PROUNI.

Ao que se refere ao tempo do curso, Ricardo disse que se dá através de uma graduação em bacharelado por 6 anos, saindo o estudante como ” um médico generalista,  um médico que está apta a atender nas unidades básicas de saúde, fazer plantões nas emergenciais, e após esses 6 anos, se sesse aluno continuar os estudo, se ele tiver interesse, a vontade, ele deve fazer o que a gente chama de especialização com residência médica, onde ele vai estudar mais 3, 4 ou 5 anos e vai se tornar especialista  em alguma área, por exemplo, cardiologia, urologia, ginecologia”, declarou o coordenador Ricardo Aleixo, acrescentando ainda que para o estudante optar pelo curso de medicina ele deve primeiramente ser humano, curioso, gostar de conversar, de ajuda e buscar soluções.

Para mais informações sobre o curso e processo seletivo, acessem o site da Faculdade Atenas www. atenas.edu.br