Conselho de Saúde pede que Governo da Bahia intensifique medidas contra surto de Covid-19 e H3N2

Conselho de Saúde pede que Governo da Bahia intensifique medidas contra surto de Covid-19 e H3N2

O Conselho Estadual de Saúde da Bahia (CES-BA), responsável por fiscalizar o Sistema Único de Saúde (SUS) no estado, pediu que o Governo da Bahia intensifique as medidas sanitárias de controle da pandemia da Covid-19 e do surto de gripe. Diante do aumento de internações e lotação em unidades de saúde, o órgão recomendou uma série de medidas a serem adotadas no próximo decreto. O atual é válido até esta terça-feira (25).

Entre as recomendações, o CES indica a necessidade de ampliar a cobrança do passaporte de vacinas em ambientes compartilhados, como hotéis, consultórios, shopping centers, templos religiosos, escolas, universidades e transportes públicos. “É preciso fechar o centro contra os não-vacinados”, diz o documento, assinado pelo presidente do CES-BA, Marcos Sampaio. “Não podemos continuar permitindo essa postura negacionista, que coloca em risco a saúde de toda a população”, crava.

O conselho também recomenda a criação de um Comitê Consultivo de Avaliação de Flexibilizações e Restrições, com representantes de entidades científicas, da sociedade civil organizada, dos órgãos colegiados de controle social e de gestores da saúde locais, para consultas a serem realizadas antes da determinação de novos decretos.

Fonte: Metro1