Feira de Santana: Operação apreende mais sete equipamentos em casos de poluição sonora

Feira de Santana: Operação apreende mais sete equipamentos em casos de poluição sonora
Foto: Divulgação / Prefeitura de Feira de Santana

A operação de combate à poluição sonora em Feira de Santana apreendeu sete equipamentos sonoros entre os dias 24 e o domingo (27). A informação foi divulgada pela prefeitura nesta segunda-feira (28) e faz parte de mais um balanço da operação Feira Quer Silêncio. Durante a fiscalização, uma pessoa foi encaminhada à polícia por conta de desobediência.

Os bairros fiscalizados neste último período foram os de: Lagoa Salgada, George Américo, Mangabeira, Tomba, Queimadinha, Panorama, Campo Limpo, Gabriela e o Calumbi. Segundo a Lei Complementar 120/18, é considerado abuso o volume do som acima de 70 decibéis, de dia, e de 60 decibéis, à noite.

Ainda segundo a prefeitura, donos de estabelecimentos podem solicitar a fiscalização do volume de som com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam). Na data programada, que deve coincidir com a data de um show, fiscais do órgão vão ao local e aferem o volume sonoro com uso de um decibelímetro.

O objetivo é fazer com que os estabelecimentos se adequarem à lei. Nos casos de respeito à medida, o local recebe o selo Som Legal. Moradores também podem fazer denúncias de poluição sonora pelo canal Fala Feira 156 ou pelos telefones 153 (Guarda Municipal) e o 190 (Polícia Militar).

Fonte: Bahia Notícias