Policias penais paralisam atividades por 72h na Bahia

penais

Os policiais penais da Bahia vão paralisar as atividades por 72h nas penitenciárias de todo o estado. Segundo Bahia Notícias, a mobilização começou às 8h desta quarta-feira (9) e segue até às 8h de sábado (12).

A manifestação está prevista para hoje em frente ao Complexo Penitenciário de Salvador, no bairro da Mata Escura. Já no interior, as manifestações devem ocorrer em frente às unidades prisionais de cada cidade.

“O nosso protesto é pela não instituição da Polícia Penal pelo Governo da Bahia. São 23 estados que já cumpriram a Constituição e já incorporaram a Polícia Penal na estrutura de Segurança Pública. A Bahia figura entre os quatro estados que ainda não fizeram, junto com São Paulo, Minas e Rio Grande do Sul”, afirmou o diretor do Sindicato dos Policiais Penais (Sinspeb), Fernando Fernandes em entrevista para a TV Bahia.

VISITAÇÃO

Com a notícia da paralisação, parentes dos presos se aglomeram no início da manhã no portão do Complexo Penitenciário Lemos de Brito. O temor dos familiares era de que por conta mobilização não houvesse a visitação. Os portões se abriram, mas o Sinspeb não deu garantia da visitação.

“Para que ocorra a visita, os profissionais precisam fazer todo o processo de revista e controle na unidade prisional. Entre as atividades que não irão acontecer está a visitação social”, reforçou Fernandes. Apesar do impasse, por volta das 8h a visitação foi liberada.

Informações do BN