APLB denuncia que ônibus escolares são conduzidos por estudantes na cidade de Tanhaçu; entenda

Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

A Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), denunciou que estudantes do ensino médio estão dirigindo ônibus escolares para não perder aulas na cidade de Tanhaçu, no sudoeste baiano.

Ao Achei Sudoeste, parceiro do Blog do Valente, a professora Viviane Meira que atua como vice-presidente da APLB na região, informou que sempre faltam ônibus e que isso impacta diretamente na presença dos alunos nas salas de aula.

“Tem sala de aula que dia de segunda-feira a gente se depara com 7 alunos de uma sala com 28 alunos”, afirmou.

Ainda de acordo com Viviane alunos estão conduzindo veículos de transporte escolar e ao contatar a prefeitura sobre a situação foi informada que ninguém nunca havia reclamado.

 “Para não perderem as atividades em sala de aula. O entendimento que temos é esse. Parece uma cultura do Município”, pontuou.

“Se é cômodo pra gestão, tornou-se uma cultura. Isso é triste”.

A Constituição Federal de 1988 assegura ao aluno da escola pública o direito ao transporte escolar, como forma de facilitar seu acesso à educação.

Ainda segundo o site a APLB deve acionar o Ministério Público para investigar a situação.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia