Bruno Reis pede responsabilidade aos rodoviários e descarta greve em Salvador: “Transporte já vive crise”

bruno reis
Foto: reprodução

Na manhã desta quarta-feira (22), durante o lançamento da Agência do Trabalhador da Cultura, Bruno Reis (UB), prefeito de Salvador, abordou a possibilidade de greve dos rodoviários na capital baiana. Demonstrando empatia com as reivindicações da categoria, o gestor municipal enfatizou a importância do diálogo e da busca por soluções conjuntas, ressaltando os impactos negativos que uma paralisação do transporte público traria para a população e para o próprio sistema.

“Eu tenho muita fé que não haverá greve”, declarou Bruno Reis, confiante na resolução da situação por meio da negociação. “As conversas estão em andamento, e o estado de greve decretado faz parte do processo para que possamos levar a questão à Justiça do Trabalho, onde um mediador será designado”, explicou.

Reconhecendo os direitos dos trabalhadores e a necessidade de reajuste salarial, o prefeito salientou as dificuldades financeiras enfrentadas pelo sistema de transporte público. “Peço aos rodoviários que tenham consciência das consequências de uma greve, que pode levar ao fechamento de empresas e à piora da crise”, apelou. “Acredito que todos os envolvidos podem encontrar uma solução justa e sustentável, sem prejudicar a população de Salvador”, concluiu.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia