Defesa Civil confirma mais três mortes e tragédia no RS totaliza 165 óbitos

Foto: Gustavo Mansur/ Palácio Piratini

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul confirmou no boletim das 9h deste sábado (25) mais três mortes pelas fortes chuvas no estado, totalizando 165 óbitos. O número pode aumentar nos próximos dias, já que ainda há 64 desaparecidos. São 806 feridos.
No total, 469 municípios foram afetados, 55.791 pessoas continuam desabrigadas e 581.638 foram desalojadas.
Conforme o governo gaúcho, 83.593 foram resgatadas.
A chuva retornou à região metropolitana de Porto Alegre na quinta-feira (23) e fez os moradores reviverem o caos da grande enchente do lago Guaíba, que atingiu o nível de 5,33 m no último dia 2, superando o recorde de 4,76 m de 1941. Desde então, as águas estavam baixando lenta, mas constantemente.
Nesta quinta, porém, um temporal de mais de 120 mm voltou a alagar bairros da capital gaúcha. Desde então foram registrados volumes significativos de chuva na maioria do estado, com acumulados entre 40 mm e 60 mm no centro, nos vales e na Costa Doce, e de mais de 80 mm na região metropolitana, segundo a Defesa Civil estadual.

SITUAÇÃO NO RS APÓS AS CHUVAS
– 165 mortes
– 64 desaparecidos
– 806 feridos
– 55.791 desabrigados (quem teve a casa destruída e precisa de abrigo do poder público)
– 581.638 desalojados (quem teve que deixar sua casa, temporária ou definitivamente, e não precisa necessariamente de um abrigo público –pode ter ido para casa de parentes, por exemplo)
– 2.342.460 pessoas afetadas no estado



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia