Investigador da Polícia Civil morre com coronavírus em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador

Um investigador da Polícia Civil morreu de em decorrência da Covid-19, em Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador, nesta quinta-feira (25). Ele é o segundo policial civil, em atividade, vítima do coronavírus na Bahia.

Carlos Borri Neto, de 55 anos, estava internado no Hospital Aeroporto e não resistiu à doença. Não há detalhes de quantos dias ele passou internado na unidade, nem se tinha alguma comorbidade.

Carlos Borri Neto era lotado na 26ª delegacia de Vila de Abrantes. O primeiro policial civil, também em atividade, morto pela Covid-19, foi Brás Nivaldo Pompelho de Abreu, que tinha 60 anos.

Antes dele, o investigador aposentado Derivaldo do Sacramento Borges, de 68 anos, também morreu infectado pelo novo coronavírus.

*G1