Anvisa inicia inspeção em fábrica de empresa responsável por “vacina chinesa” contra o coronavírus

A equipe de inspetores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) começou neste domingo (29) a inspecionar as “Boas Práticas de Fabricação” da CoronaVac, vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan, em parceria com biofarmacêutica chinesa, Sinovac Life Science, em Pequim. De acordo com órgão, durante o primeiro dia a atividade foi iniciada às 21h30 de ontem e encerrada por volta das 7h de hoje (horário de Brasília), respectivamente, às 8h30 e às 18h (horário de Pequim).

Foram analisados, também, os requisitos técnicos dos “Bancos Sementes e Celulares”, partículas virais e células hospedeiras utilizadas na fabricação da vacina. Outra parte da equipe dedicou-se à verificação dos requisitos técnicos aplicáveis aos “Procedimentos de Amostragem de Matérias-Primas, Qualificação de Fornecedores, Sistema de Numeração de Lotes e Qualificação de Transporte”.

Os inspetores têm uma agenda de trabalho que se estenderá até a próxima sexta-feira (4). O cronograma inclui, em cada dia, diferentes requisitos técnicos a serem constatados e que serão usados para avaliar se a fabricação da vacina transcorre de acordo com o regulamento de “Boas Práticas da Agência” que, por sua vez, segue os regulamentos utilizados pelas principais agências sanitárias internacionais.

Fonte: Aratu