Pitbull resgatado em rinha de cães em São Paulo chegou a urinar sangue

Um dos cachorros da raça pitbull resgatado de uma “rinha” de cães, em Mairiporã (SP), chegou a urinar sangue, de acordo com o delegado o delegado Matheus Laiola, da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente no Paraná. Ao todo, 41 pessoas foram presas em flagrante e 19 animais foram salvos no último final de semana. 

A investigação começou após uma denúncia anônima contra um treinador e um cuidador de pitbulls em Curitiba e São José dos Pinhais (PR). Os investigadores passaram a então o monitorar e o seguiram no último sábado até uma área rural no município paulista. Lá, encontraram dois cachorros “duelando” (veja o vídeo). 

Com ajuda da polícia de São Paulo, os agentes obrigaram um norte-americano a separar os dois cachorros. Além dele, foram presos um mexicano e um peruano. Seis dos presos chegaram a fugir, mas a polícia conseguiu capturar eles após os acusados retornarem ao local do crime. Entre os detidos, estão um veterinário e um policial militar.