Três homicidas e traficantes de SAJ estão entre os detentos que fugiram da Penitenciária da Mata Escura em Salvador

Detentos fogem do Complexo Penitenciário da Mata Escura, na tarde deste domingo (7), em Salvador. De acordo com o Aratu On, os detentos que eram internos usaram uma corda ‘teresa’, feita com lençóis para acessarem a área externa.
Segundo informações do Sindicato dos Servidores Penitenciários da Bahia (Sinspeb), os fugitivos aproveitaram a falta de prepostos da Polícia Militar na muralha do pavilhão principal, para escalar a guarita ao lado da 2ª Cia da PMBA e entrarem pelo matagal que circunda todo o complexo.
Um morador da região conseguiu filmar o exato momento da fuga, numa via vicinal próximo à avenida Gal Costa, por onde os internos fugiram contando com o apoio de comparsas. De acordo com o Sinspeb, no Presídio de Salvador, onde ocorreu a fuga, estavam 816 presos para um efetivo plantonista de 13 policiais penais.
A entidade sindical informou, também, que as unidades prisionais baianas não dispõe de câmeras de monitoramento, bloqueadores de sinal de telefonia e o perímetro das unidades não dispõe de nenhuma barreira física que impeça a livre circulação de pessoas nas proximidades dos estabelecimentos penais.

pres-dio1

 

Segundo o site Informe Baiano, os nove foram identificados como: Vitor Pereira dos Santos, vulgo Vitinho da Rádio ou Seaway, traficante e homicida de Santo Antônio de Jesus; homicida Yuri Carlson Santana Santos, vulgo ET, integrante da Katiara; Luís Felipe Barros de Cerqueira, o ‘Couro’ da facção A Tropa e envolvido com tráfico e homicídio; Luciano Santos de Jesus Júnior, vulgo Formiguinha, traficante de Santo Antônio de Jesus; Lailson Campos Souza, homicidia de Santo Antônio de Jesus; Claudiomar Santos de Santana, vulgo Cacá, homicida da facção Katiara; Luís dos Santos, assaltante e integrante do comando Vermelho; Anderson dos Santos Silva, assaltantes, assassino e integrante do Comando Vermelho; Carlos Diran Silva Macedo, assaltante, assassino e integrante do Comando Vermelho.