SAJ: homem que foi vítima de tentiva de homicídio no Maria Preta é preso por homicídio que aconteceu em abril

SAJ: homem que foi vítima de tentiva de homicídio no Maria Preta é preso por homicídio que aconteceu em abril
Foto: reprodução

A Polícia Civil de Santo Antônio de Jesus elucidou o homicídio de Daniel (vulgo Brocha), o qual foi assassinado no dia 21 de Agosto de 2021 no bairro Barro Vermelho. Brocha era paraplégico, e na ocasião foi surpreendido por três homens, sendo que desses, dois acertaram a vítima.

“No dia 10 de Outubro de 2021, foi cumprida a prisão do individuo com o vulgo de Dinho e no dia 11 de Outubro de 2021 foi cumprida a prisão temporária do indivíduo com o apelido de Quibe. Foram presos esses dois indivíduos que são maiores. Na continuidade das investigações verificu-se o terceiro individuo que é um menor. Este menor teve o pedido de internação provisória deferido pelo poder judicial”, detalhou o Delegado Felipe Ghiraldelli em entrevista com repórter Antônio Carlos nesta segunda-feira (08).

Homicídio e tentativa de homicídio no bairro Maria Preta 

Dr. Felipe ainda falou sobre o homicídio e a tentativa de homicídio que aconteceu no bairro Maria Preta no último dia 29 de Outubro – leia aqui. Nesta ocasião um homem foi morto enquanto estava em um carro com seu filho que foi vítima de tentativa de homicídio. Segundo o delegado, o filho da vítima, que não teve o nome divulgado, foi preso pois respondia a um inquérito de um assassinato ocorrido em abril de 2021.

“Nós estamos elucidando vários homicídios aqui, inclusive de outras épocas, antes da minha chegada em Santo Antônio de Jesus, e verificamos que recentemente teve o homicídio ocorrido na Maria Preta no dia 29/10 onde morreu a vítima José dos Santos Sousa, e houve uma tentativa de homicídio contra o filho dele. O filho dele já respondia pelo inquérito policial de um homicídio que ocorreu em abril deste ano em que teve como vítima Alex Nascimento Fonseca, e foi possível depois do fato cumprir este mandado de prisão em desfavor deste suspeito”, explicou.