‘O motorista estava colocando a vida dele, a minha e dos passageiros em risco’ declara usuária de transporte intermunicipal sobre velocidade que os veículos são conduzidos

‘O motorista estava colocando a vida dele, a minha e dos passageiros em risco’ declara usuária de transporte intermunicipal sobre velocidade que os veículos são conduzidos


Em contato com o Blog do Valente, na tarde desta terça-feira (18), uma usuária do transporte intermunicipal da COOTAM que faz linha de Cruz das Almas para Cachoeira, denunciou a velocidade com o qual os motoristas conduzem o veículo.

Ela relatou que é usuária assídua do transporte e vem observando o comportamento dos motoristas, que “estão correndo mais do que o normal”, além de fazerem ultrapassagem indevida.

“Estava numa van (modelo sprinter) que o motorista estava colocando a vida dele, a minha e dos passageiros em risco, pois notei que ele estava andando a mais ou menos 90 a 110 Km/h, fazendo ultrapassagem indevida, até mesmo cortando pelo acostamento e jogando em cima de outros carros que vinham em direção contrária” relatou.

Após esse episódio, a denunciante disse que os passageiros questionaram ao motorista o motivo de tanta velocidade, em resposta ele disse que todos os motoristas da COOTAM estavam sendo obrigados pelo Presidente da Cooperativa a fazer o trajeto Cruz das Almas/Cachoeira e vice-versa , em um tempo estimado de uma hora, sob pena de ficar dois dias em poder trabalhar se chagasse fora do tempo estabelecido.

A denunciante solicita um posicionamento do Presidente da Cooperativa com relação a coerção sofrida pelos motoristas, o que vem gerando um comportamento que coloca não somente a vida dos funcionários em risco, mas também de todos os usuários do transporte.