Aeronáutica está com 289 vagas abertas para formação de sargentos

A Aeronáutica brasileira abriu processo seletivo com 289 vagas para o curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica. Os interessados podem realizar as inscrições até o dia 26 de agosto, no site da Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR). A taxa de inscrição é de R$ 60.

Para concorrer, é necessário ter concluído com aproveitamento o ensino médio do Sistema Nacional de Ensino, não ter menos de 17 anos nem completar 25 anos até 31 de dezembro do ano da matrícula no CFS 2/2021, salvo que, se menor de 18 anos, o candidato deve estar autorizado por seu responsável legal, além de outros requisitos que compõe o edital.

As vagas são para as seguintes especialidades: comunicações (16); foto inteligência (8); guarda e segurança (34); eletricidade e instrumentos (20); estrutura e pintura (10); meteorologia (12); suprimento (18); informações aeronáuticas (12); bombeiro (10); cartografia (4); desenho (3); eletromecânica (10); metalurgia (4) e controle de tráfego aéreo (128).

O processo seletivo conta com prova escrita; inspeção de saúde (Inspsau); exame de aptidão psicológica (EAP); teste de avaliação do condicionamento físico (TACF); procedimento de heteroidentificação complementar e validação documental, sendo
todas de caráter eliminatório.

A prova escrita está prevista para ser aplicada no dia 22 de novembro de 2020, a partir das 9h40, nas localidades de Belém – PA, Recife – PE, Natal – RN, Rio de Janeiro – RJ, Belo Horizonte – MG, São Paulo – SP, São José dos Campos – SP, Campo Grande – MS, Canoas – RS, Santa Maria – RS, Curitiba – PR, Brasília – DF, Manaus – AM, Porto Velho – RO e Boa Vista – RR e terá duração de 4 horas e 20 minutos.

O Curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica (CFS) é ministrado sob regime de internato militar na EEAR, em Guaratinguetá, São Paulo, com duração aproximada de dois anos e abrange instruções nos Campos Geral, Militar e Técnico-Especializado.

Durante a realização do curso, o aluno estará sujeito ao regime escolar da EEAR, e será beneficiado com mesma remuneração por ocasião da matrícula, se militar da ativa da Aeronáutica, ou fixada em lei para Aluno de Escola de Formação de Sargentos, além de alimentação, alojamento, fardamento, assistência médico-hospitalar e dentária, exclusivamente para si.