COI descarta cancelar Jogos e dá 4 semanas para decisão final

 

Foto: Alessandro Di Ciommo/NurPhoto via Getty Images

O COI (Comitê Olímpico Internacional) promoveu neste domingo uma reunião de emergência de seu comitê executivo e descartou um cancelamento dos Jogos Olímpico de Tóquio. A entidade, que tem sede na cidade suíça de Lausanne, definiu uma data-limite de quatro semanas para apreciar um adiamento do megaevento esportivo, marcado inicialmente para ser realizado entre 24 de julho e 9 de agosto próximos. As informações são do jornalista Dan Roan, da BBC.

É a primeira vez que o comitê olímpico aventa o adiamento das Olimpíadas de Tóquio. Existem cenários que trabalham com a remarcação do evento para o final deste ano ou para 2021 ou 2022.

O COI sofreu grande pressão de atletas, comitês olímpicos nacionais e federações esportivas mundo afora nesta semana pelo adiamento dos Jogos. O seu presidente, o alemão Thomas Bach, reiterou seguidas vezes nos últimos dias que a data de realização estava mantida, o que gerou críticas.

Nos últimos dois dias, por exemplo, o Comitê Olímpico do Brasil (COB), o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), a federação norte-americana de natação (USA Swimming) e o Comitê Olímpico Espanhol pediram pelo adiamento da competição.

Fonte Globo Esporte

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *