Mulher de ginecologista acusado de violência obstétrica é encontrada morta em casa

Ilana tinha 40 anos e deixa duas filhas, que tinha com Renato Kalil

Mulher de ginecologista acusado de violência obstétrica é encontrada morta em casa

A nutricionista Ilana Kalil foi encontrada morta dentro da casa onde mora com o marido, o médico ginecologista Rentao Kalil, em São Paulo. A informação foi revelada nesta segunda-feira (14) pela Secretaria de Segurança Pública do estado (SSP-SP).

Ilana tinha 40 anos e deixa duas filhas, que tinha com Renato. O médico foi acusado pela influenciadora digital Shantal Verdelho de violência obstetrícia após o parto da sua segunda filha, em setembro do ano passado. Após o relato da blogueira, outras mulheres fizeram denúncias parecidas envolvendo o mesmo profissional.

Recentemente, Ilana tinha se pronunciado nas redes sociais em defesa do marido. Em sua última publicação no Instagram, ela diz que foi “censurada” pela rede social. A sua morte foi registrada na 89º Distrito Policial, no bairro Morumbi.

Fonte: Metro1