Flordelis é notificada por Corregedoria sobre processo que pode levar à perda de mandato

A deputada federal e acusada de ser a mandante do assassinato do marido, Flordelis(PSD-RJ), foi notificada pela Corregedoria da Câmara dos Deputados notificou nesta quarta-feira (9). A parlamentar responde a um processo por quebra de decoro parlamentar e que pode levar à perda do seu mandato.

No mês passado Flordelis e os filhos se tornaram  réus em um processo que apura o assassinato do marido dela, o pastor Anderson do Carmo. Morto no ano anterior.

Conforme informações do G1, Flordelis foi notificada no apartamento funcional, em Brasília, pelo corregedor, o deputado Paulo Bengston (PTB-PA), que precisou ir ao local depois que a deputada não compareceu à sala da Corregedoria na Câmara.

O regimento prevê que Flordelis apresente sua defesa em um prazo de cinco dias.

A reportagem ainda traz que a pedido da deputada, a Corregedoria realizou uma audiência preliminar. Mas não conta como a entrega formal da defesa da deputada.

Fonte: BN




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *