Morre bebê com doença cardíaca que esperava transferência para hospital há quase um mês em Feira de Santana

Morre bebê com doença cardíaca que esperava transferência para hospital há quase um mês em Feira de Santana

A bebê que foi diagnosticada com cardiopatia, uma alteração na estrutura do coração, e esperava há quase um mês para ser transferida para um hospital com atendimento especializado em Salvador, morreu nesta sexta-feira (27), em Feira de Santana.

Segundo o G1, Liz nasceu no dia 28 de novembro em Feira de Santana e desde então, estava internada na UTI neonatal do Hospital Inácia Pinto dos Santos, usando medicamentos e ventilação mecânica. A bebê precisava passar por uma cirurgia para a correção do problema.

O presidente da fundação hospitalar, Gilberte Lucas, informou ao G1 que foram enviados vários pedidos para a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) alertando a urgência da regulação, mas o órgão não deu retorno.

Ainda de acordo com a presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, Gilberte Lucas, a recém-nascida recebia medicamentos e um tratamento que já custou cerca de R$ 40 mil. Entre janeiro e novembro deste ano nasceram nove bebês no Hospital da Mulher, em Feira de Santana, com cardiopatia congênita e três deles não resistiram.