Secretário de Saúde critica as lives de Carnaval: “Revelam falta de compaixão”

O secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, usou as redes sociais, na manhã desta segunda-feira, 15, para criticar as transmissões de lives no Carnaval em plena pandemia da Covid-19. De acordo com ele, os shows dos artistas criam uma falsa ideia de normalidade.

“Essas lives de Carnaval, além de revelar falta de compaixão com o sofrimento das famílias baianas enlutadas, emitem sinais de uma pseudo normalidade que não nos interessa alimentar”, diz o post divulgado no perfil oficial de Vilas-Boas no Twitter.

Mais cedo, o secretário já havia criticado as lives em uma entrevista à TV Bahia. Segundo ele, não há nada o que comemorar. “O momento que estamos vivendo é grave”, declarou.

De acordo com o boletim epidemiológico, divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) neste domingo, 14, foram registradas 61 mortes por Covid-19 e 2.584 novos casos da doença nas últimas 24h.

*ATarde