Anuário da Justiça 2024 aponta queda de 57% nos registros de porte de armas

Foto: Getty Images/iStockphoto

O Anuário da Justiça Brasil 2024 revela que o número de novos registros de porte de armas de fogo para defesa pessoal no país caiu 57% em 2023.

De acordo com informações da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, o anuário da Conjur será lançado na próxima quarta-feira (22), no Supremo Tribunal Federal (STF), e inclui dados atualizados do sistema da Polícia Federal (PF) até dezembro de 2023.

A pesquisa indica que os registros passaram de 5.676 no último ano do governo de Jair Bolsonaro (PL) para 2.339 no primeiro ano do mandato do presidente Lula (PT). Além disso, sob a direção de Andrei Augusto Passos Rodrigues, a PF apreendeu 121,1% mais armas de fogo em 2023 comparado ao ano anterior, com os números aumentando de 2.033 para 4.495.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia